domingo, 25 de março de 2012

O Jogo dos Sete Erros

Depois de conversar com muitas pessoas, ouvir a história de muitos casais, comecei a me perguntar quais eram os pontos cruciais para fazer uma relação terminar...resolvi então trazer 7 erros gritantes que fazem qualquer relação ir por água abaixo! Fiquem ligados e avaliem suas relações, acho que nunca é demais repensar! Sem classificar os erros por ordem de importância...



DESRESPEITO : Um dos erros mais comuns e mais fatais. O respeito numa relação é tão importante quanto o amor, aliás eu diria que os dois andam de mãos dadas. Sem o respeito o amor nunca pode se mostrar forte e efetivo. A desrespeito pode existir de várias formas: infidelidade, brigas, agressividade, grosserias, ignorar sentimentos, bater, palavras duras, críticas excessivas, depreciação, e por ai vai! Você deve pensar: "Ah, se qualquer uma dessas coisas acontecer comigo eu termino a relação", mas será? Tenho visto pessoas, homens e mulheres, se submeterem a diversas situações desrespeitosas em nome do "amor". Então fique ligado, você não está imune a ser desrespeitado ou desrespeitar seu amor. Por tanto: se ligue!


INFIDELIDADE: Já que falamos sobre respeito, vamos emendar com a infidelidade. Este é um assunto que pessoalmente me causa irritação. Não consigo entender, nem justificar nenhum tipo de traição. Acredito que trair indica não apenas que algo está errado na relação, mas também que o traidor não entende o significado de "compromisso". Aqui fica uma ressalva especial: traição virtual, também é traição. Porque muitas vezes a pessoa continua com seus perfis em sites de relacionamento e isso também é traição, voltando ao primeiro erro, também é desrespeito. Pense bem! 


DESCONFIANÇA: O que fazer em uma relação onde a confiança já foi embora há muito tempo? Esse é um ponto importante, porque junto com o respeito e o amor, a confiança faz parte da manutenção de uma boa relação. E como costume dizer, construir a confiança numa relação demora, exige que cada tijolo seja colocado de uma vez, mas para destruir, basta um erro e pronto, toda construção vai abaixo. Então mantenha cada tijolo do muro de proteção da sua relação em seu devido lugar. Conquiste todos os dias a confiança de seu amor. Mentiras nesse quesito, são a destruição total  (leia mais em: http://migre.me/8q5KX). 


CIÚME EXCESSIVO: Tudo em excesso sobra! Dizem que o ciúme apimenta a relação, mas vá ter uma pessoa ciumenta em seu pé o tempo inteiro que esse ardor fica insuportável! O ciúme começa pequeno, vai crescendo e pode até se tornar obsessivo. A pior parte é que o ciumento enxerga coisas onde não existem e briga o tempo todo por qualquer motivo. E o ciúme é apenas a insegurança de que lugar eu ocupo na vida do outro. Ganhe essa certeza em sua relação, certeza do lugar que ocupa na vida do outro e mande o ciúme embora. A relação pode ser apimentada com coisas mais gostosas e suaves! 


AUSÊNCIA DE DIÁLOGO: Esse é um erro comum. Os casais conversam muito no início do namoro, parece que as horas são poucas para tanto papo. Só que depois de um tempo o diálogo pode ficar em segundo, terceiro ou quarto plano, isso é perigoso. Conversar é a base para qualquer relacionamento. Invistam tempo para conversarem, saiam para conversar e se possível: deixem o celular em casa! Uma boa dica é um jogo de perguntas e respostas que funciona bem: "Puxa Conversa" (http://migre.me/8q6bg).


FALTA DE OBJETIVOS: É necessário que os casais tenham um objetivo comum. Planos individuais sempre são importantes, mas é preciso que os dois tenham projetos como casal. Lutem por algo junto, entendam que compromisso vai além de dar uns beijinhos, uns abracinhos e tal. É preciso traçar objetivos, metas. Trabalhar juntos na construção de uma vida a dois é algo fundamental. 


MAU HUMOR: Esse é um erro não muito comentado, mas fundamental. Já pensou que coisa chata uma pessoa mal humorada do seu lado que reclama de tudo o tempo todo? Rir juntos é fundamental! É gostoso ter uma pessoa com a qual você pode ter crises de riso. Piadas, brincadeirinhas, coisas só do casal são ideais, essenciais. Além de tornarem as coisas mais leves. Aprendam a rir de bobagens juntos. Quebrem o clima das brigas com boas risadas. Bom humor é fundamental! 

Vocês leram que a distância é um desses erros? NÃO. Porque não é. Nunca será um problema capaz de destruir uma relação. A distância é apenas um detalhe, que pode ser vencido.

3 comentários:

  1. Muito boa a matéria!!

    ResponderExcluir
  2. Muito bom esse post, altamente terapêutico! rs

    ResponderExcluir
  3. Estar disposto a mudar é essencial! Parabéns pelo texto e pela dedicação e esforço em manter o propósito do blog: de ajudar os casais que tem que enfrentar todos esses fatores citados no post sem a convivência.

    ResponderExcluir